Seis peças infantis para adultos ou adultas para crianças

Não necessariamente nesta ordem

Claudia Valli

Lançamento

R$ 48,00

Comprar

Baixe o release

Informações do Livro

» Características Técnicas

  • ISBN: 978-85-8160-055-0
  • Idioma: Português
  • Formato: 14 x 21
  • Páginas: 344
  • Edição:
  • Destaque: Nino Ottoni (Org.)

» Resumo

O livro reúne as principais peças da premiada autora e diretora de teatro infantil. São textos integrais, com leitura que flui, diverte e instiga crianças e adultos a pensarem sobre temas atuais, como política, consumo, ecologia, inclusão (diferenças) e ciência (neurônios). Obra de referência para cabeceiras e bibliotecas infantis ou adultas. Como diz Heloísa Périssé na apresentação: "os textos de Claudia têm essa característica, são simplesmente encantadores. Você vai se envolvendo e entre uma gargalhada e outra há sempre uma reflexão interessante, profunda, que de repente te faz pensar".

O duende imaginário ganhou o 2º lugar no prêmio Ana Maria Machado/Cepetin/Centro de Estudos e Pesquisa do Teatro Infantil. O neurônio apaixonado estreou em 2006 no teatro Oi Futuro Flamengo/RJ e foi recomendado pela Veja Rio como um dos melhores espetáculos infantis em cartaz; também foi indicado para o prêmio nacional de Teatro Infantil Zilka Sallaberry/CBTIJ como melhor texto e melhor figurino. Um conto para Rosa já teve diversas temporadas em cartaz e, em 2005, recebeu o prêmio Destaque do Centro Brasileiro de Teatro para a Infância e Juventude/CBTIJ de melhor ator, também foi indicada para o prêmio Coca-Cola de Melhor Texto e ganhou o de Melhor Iluminação; considerada pelo Jornal do Brasil um dos dez melhores espetáculos infantis daquele ano. Os tsurus foi um dos finalistas, categoria Melhor Texto, do prêmio nacional Ecologia no Teatro Infantil, promovido pela Coca-Cola. O espírito de Natal tem sua atualidade marcada pela necessária reflexão sobre as exigências consumistas do Natal. Política para crianças, inédito e mais recente trabalho de Claudia, é um texto cuja atualidade e importância nosso Brasil nos mostra a cada dia, a peça trata também da delicada relação entre um pai com seu filho.